7.2.06

Biosfera # 2- Rui Rio

«Eu mostro esta fotografia, estamos todos muito habituados a esta fotografia e achamo-la normal. Mas vamos olhar com atenção. Qual é a lógica disto aqui? (foto 1) Qual é esta lógica? Uma plataforma aqui à volta? É para as pessoas pararem aqui? Não param aqui. É para ter o cavalo? Podia ser mais pequeno. Mas se fosse maior, como é ? Qual é o sentido? Qual é a harmonia entre isto e depois aqui mais um bocadinho para pararem os carros. Qual é a harmonia disto com tudo isto? Não tem harmonia nenhuma.
Nós achamos que isto está razoável, porque habituamos-nos a isto. Cada um à sua...

Eu há 48 anos anos, outros uns anos mais, uns anos menos e portanto não faz sentido.
Portanto aquilo que o arquitecto Álvaro Siza Vieira e o arquitecto Souto Moura vão desenhar é uniformizar isto até cá baixo. Portanto tem aqui uma placa central que poderá ter determinada utilidade. Pode, por exemplo, fazer exposições... de esculturas, de pintura, ou enfim, desde que não chova pode fazer pintura também. Pode até usar este espaço central...
Os passeios vão ficar muito alargados, aliás esta parte aqui já hoje está. Ou seja a entrada do metro é aqui e neste lado a mesma coisa (foto 2), logo o passeio vai para aqui. Veja bem o tamanho que este passeio vai ter, vai ter grandes espaços de lazer. Mantem os carros ao centro e ainda tem uma placa central que uniformiza toda esta situação.»


Rui Rio, Presidente da Câmara Municipal do Porto no programa Biosfera
(Repetição na próxima 5ª feira, às 17.30)

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home